Roberto Mangabeira Unger

Artigos e Entrevistas

Divide-se esta seção do site em três partes.

A primeira parte reúne artigos escritos entre 2001 e junho de 2007, quando assumi a pasta das Ações de Longo Prazo. Quase todos os artigos representam fragmentos de uma proposta para o Brasil, informada por uma concepção dos constrangimentos e das oportunidades com que a obra transformadora haverá de lidar.

Chamo atenção para três artigos que têm como tema certas inspirações que motivam tanto meu pensamento a respeito do Brasil como minha ação pública no País. Grandeza do Brasil inicia a série. Quixote e A Força e O Que Falta estão disponibilizados em separado.

A segunda parte contém artigos escritos durante minha participação no governo ou depois dela. Estes textos já refletem engajamento em tentativas concretas para dar, a partir do governo e da definição de um projeto de Estado, passos na reorientação do país. Oito Opções Que Definem um Rumo para o Brasil foi escrito na antevéspera da campanha presidencial de 2010.

A terceira parte representa uma seleta de entrevistas concedidas a partir de junho de 2007.

  1. Artigos antes de junho de 2007
  2. Artigos depois de junho de 2007
  3. Entrevistas
Volta ao início.

1. Artigos antes de junho de 2007

O agente diante do mundo (dois artigos de 1998)

Uma antiga e nova polêmica partidária e programática

Depois do Colonialismo Mental - O Brasil no Século XXI

  1. A política brasileira e seus agentes
  2. O desenvolvimento econômico e sua reorientação
  3. A capacitação dos brasileiros
  4. As instituições e sua reconstrução
  5. O Brasil no mundo
  6. A transformação da experiência: idéias, atitudes, emoções.

Em São Paulo

Outros Artigos

Volta ao início.

2. Artigos depois de junho de 2007

Volta ao início.

3. Entrevistas

As primeiras duas entrevistas retratam o mesmo momento da vida brasileira: a passagem do primeiro para o segundo mandato presidencial de Fernando Henrique Cardoso, logo antes do colapso do regime cambial. Revelam as preocupações políticas, econômicas e existenciais que me inspiram em meu esforço de proposta. A terceira entrevista foi publicada em 14 de agosto de 2002, no ponto alto da campanha de Ciro Gomes como candidato à presidência da república. A quarta entrevista foi publicada em 16 de março de 2003, quando me vi mais uma vez na oposição a um governo que se rendera, e que rendera o país, em nome da prudência e em homenagem à fatalidade.

O pensador da esperança. [Janeiro, 1999] Revista Caros Amigos. Entrevista concedida a Jose Arbex Jr, Nicodemus Pessoa, Leo Gilson Ribeiro.

O alvo é a produção. [14 de agosto, 2002] Brasília: Revista Carta Capital. Entrevista concedida a Bob Fernande

Malan e Ruth são os deuses de Lula’, diz Unger. [16 de março, 2003] Revista da Folha de São Paulo. p A16. Entrevista concedida a Fernando Silva

O Globo [16 de janeiro, 2008]

'Pouco durmo. Por mim, não haveria noite.' [20 de janeiro, 2008]. Manaus, O Globo. Entrevista concedida a Allan Gripp

A Amazônia de Mangabeira. [28 de janeiro, 2008]. Brasília, Correio Braziliense. Entrevista concedida a Leonel Rocha

'Desenvolvimento sustentável é abstração.' [15 de junho, 2008]. Brasília, O Estado de São Paulo. Entrevista concedida a Laura Greenhalgh

O Brasil e os EUA. Folha de São Paulo, São Paulo. Opnião. [04 de novembro, 2008]

O descalabro e a saída. [23 de dezembro, 2008] Brasília: Revista Carta Capital. Entrevista concedida a Bob Fernandes.

Un progresista es uns conspirador contra el destino [01 de maio, 2010] (Prodavinci Venezuela)

La rebeldía sin proyecto fracasa [09 de maio, 2010] (Prodavinci Venezuela)

Alternativa sul-americana, alternative agrícola, alternativa colombiana [25 de otubro, 2013] (Palestra pronunciada em Pereira, Columbia)

Volta ao início.